liberalismo.org
Portada » Foros » Teoría política » conservador-liberalismo e social-liberalismo

Teoría política

Los foros se han mudado definitivamente. Podéis registraros y emplear los nuevos en Red Liberal.

conservador-liberalismo e social-liberalismo
Enviado por el día 10 de Octubre de 2006 a las 22:04
Há uma grande diferença entre o conservador-liberalismo de Hayek e Von Mises e o social-liberalismo de Raymond Aron e Karl Popper.
Enquanto os primeiros só consideravam uns 20% das teorias de Marx válidas os segundos consideravam 40% delas válidas.
Enquanto os primeiros viam como modelo os países escandinavos os segundo viam como modelo os anglo-sexões. Na verdade a única diferença deles em relação aos sociais-democratas da época em que escreveram os livros era que eles eram resolutamente anti-leninistas e os sociais-democratas da época exitavam quanto ao assunto...
Eu prefiro os sociais-liberais. Eu noto que muitos conservadores-liberais julgam que esse é o único liberalismo que existe e isso não é verdade.
Em relação ao social-liberalismo ,que inclui na prática os kibutts e mochavis de Israel e as cooperativas escandinavas ,a queda do muro de Berlim não significou nada,só deu força. Eles sempre disseram que tudo aquilo estava errado mesmo....
Re: conservador-liberalismo e social-liberalismo
Enviado por el día 11 de Octubre de 2006 a las 15:45
Hayek se rompió las neuronas explicando porqué no es conservador.
Re: Re: conservador-liberalismo e social-liberalismo
Enviado por el día 11 de Octubre de 2006 a las 22:17
Dado que há liberais que querem mais mudanças do que ele ,ele automaticamente vira ,em relação a eles, um conservador.
Ele só não é conservador em questões sexuais e coisas do gênero.
Mas(pero)não sei se você notou ,mas(pero) a imensa maioria dos governos com as idéias economicas mais próximas ao Hayek NÃO tem as ideias liberais sobre o sexo ,etc....do Hayek. Por que será? Será só coincidência?
Re: Re: Re: conservador-liberalismo e social-liberalismo
Enviado por el día 12 de Octubre de 2006 a las 07:57
El socialliberalismo se proclama como una reforma del neoliberalismo. En tanto el neoliberalismo sería una fijación económica, el social liberalismo dedica mayor atención a lo social. Precisamente por eso hay que entender al socialliberalismo como la radicalización del neoliberalismo, el que implementa la lógica neoliberal, de modelo neoclásico de mercado, sobre lo social.
Es para cide porke yo no entiendo un pito ke pegué.
Re: Re: Re: Re: conservador-liberalismo e social-liberalismo
Enviado por el día 12 de Octubre de 2006 a las 14:46
Qué? Yo pensaba que lo "social" estaba compuesto por individuos, y que del individuo se ocupa el liberalismo.
Lo social como ente autónomo es tan inveroscímil como Alá, Yasmilita.
Re: Re: Re: Re: Re: conservador-liberalismo e social-liberalismo
Enviado por el día 12 de Octubre de 2006 a las 15:33
Um individuo sozinho sem ser sido previamente sosializado não sobreviveria um segundo.
E individuos também têm necessidades materiais.
Uma sociedade com muita desigualdade não é equilibrada e gera ou crime comum ou descontos de várias frustrações sobre os mais fracos. Por exemplo uma sociedade desiqual pode até não ter muitos crimes de roubo e assalto mas(pero) tem aí sem dúvida vai ter muitos crimes de maltrados domesticos a mulheres e crianças ou racismo.
Isso não impede uma enorme necessidade de ações policiais contra o crime ,aliais o meu ideal de ação contra o crime é Cingapura.
E também tem que se evitar ideologias que relacionam de um modo direto demais criminalidade e desigualdade e audi-visuais com esse tipo de ideologia. Na verdade a mentalidade tem 80% a ver com o assunto . Mas(pero) justamente mentalidade para a coesão social já é TAMBÉM um fenomeno social e não individual.
Veja-se com são feitas as pesquisas(encuestas) é só pegar 1000 pessoas com a mesma proporção de sexo ,idade e classe social da realidade que já dá para saber o que pensam milhões de pessoas...o que mostra o quanto as pessoas são condicionadas pela sua condição social. É claro que isso não impede a consciencia individual que é o leva o mundo para a frente. Mas(pero) isso não é motivo para ignorar os condicionamentos sociais.
Não é questão de consciencia de classe marxista ,inclusive porque geralmente os mais a favor da luta de classe costumam ser gente de classe média os pobres querem mais é reformismo.
Mas(pero) não adianta fingir que não existe a sociedade ,o social.
Usuario Contraseña  
Web alojada en Ferca

Mapa del sitio Mapa del sitio
Texto normal Texto grande